Travessias Litorâneas devem receber mais de 2 milhões de veículos durante a Operação Verão

Além de aumentar o efetivo de funcionários em vários setores, DERSA irá priorizar manutenções no período noturno e madrugada

0
83
balsas travessias litorâneas
Foto: Jornal da Orla

As Travessias Litorâneas do Estado de São Paulo, administradas pela DERSA (Desenvolvimento Rodoviário S/A), devem receber entre 2,4 e 2,7 milhões de veículos durante a Operação Verão 2017-2018 nas ligações entre Santos e Guarujá, Guarujá e Bertioga, São Sebastião e Ilhabela, Cananéia e Ilha Comprida, Cananéia e Continente e Iguape e Juréia.

A operação especial, que vai até 18 de fevereiro de 2018, contempla os feriados de Natal, Ano Novo, Aniversário de São Paulo e Carnaval. Para atender à grande demanda de usuários da temporada, a Companhia irá operar as seis travessias de veículos com 24 ferryboats que, somados, atingem uma capacidade operacional para transportar até 1.652 veículos por hora em cada sentido.

MOVIMENTAÇÃO POR TRAVESSIAS

A travessia que deverá receber maior número de usuários durante a Operação Verão 2017-2018 será a Santos/Guarujá. A expectativa é que entre 1,8 milhão e 2 milhões de veículos utilizem a travessia na temporada. Nove embarcações estarão disponíveis, sendo oito em operação ao mesmo tempo, além de uma de reserva para eventuais substituições.

No Litoral Norte, a expectativa é que entre 390 mil e 400 mil veículos passem pela Travessia São Sebastião/Ilhabela e utilizem as sete balsas disponíveis para operação. Destaque para o FB-29, que chegou neste mês, substituindo o FB-14, que seguiu para a Travessia Santos/Guarujá. O FB-29 é uma embarcação maior, com maior potência e, consequentemente, mais adequada para as características do serviço entre os dois municípios.

Outro destaque no Litoral Norte é a substituição completa de toda a estrutura de acesso aos flutuantes, utilizada por veículos e pedestres, incluindo, pontes, rampas e passarelas, garantindo assim mais segurança e conforto aos usuários. O investimento foi de R$ 1,4 milhão do Governo do Estado.

A Travessia Guarujá/Bertioga contará com duas balsas. São esperados entre 105 mil e 110 mil veículos durante o período.

No Litoral Sul a previsão é que entre 125 mil e 140 mil veículos utilizem as três Travessias da região: Iguape/Juréia, Cananéia/Ilha Comprida e Cananéia/Continente. Nos três serviços, seis balsas estarão disponíveis.

MODERNIZAÇÃO DA FROTA

Desde o início do ano passado, a DERSA já entregou 18 embarcações totalmente remodeladas nas Travessias Litorâneas, com recursos de R$ 43,6 milhões.

O Programa de Modernização das Travessias Litorâneas, iniciado em 2011, já investiu R$ 309 milhões nos oito serviços administrados pela DERSA, o que resultou em aumento de 30% na capacidade operacional de todo o sistema.

AÇÕES

Visando liberar mais embarcações nos períodos matutinos e vespertinos, quando a demanda de veículos e passageiros é maior, a DERSA priorizará os serviços de manutenção no período noturno e madrugada. A Companhia também aumentará os efetivos de operação, arrecadação e manutenção, além de já ter providenciado reforço nos estoques de peças e equipamentos.

Ações em conjunto com Polícia Militar e Defesa Civil, para apoio quando houver necessidade, e com os órgãos de trânsito municipais para planos emergenciais de organização de filas completam o planejamento para a temporada.

Confira números e dicas:

OPERAÇÃO VERÃO 2017-2018 – (De 15 de dezembro de 2017 a 18 de fevereiro de 2018)

Travessia: Santos/Guarujá
Movimentação prevista: Entre 1,8 e 2 milhões de veículos
Horário de funcionamento: 24 horas por dia
Capacidade operacional por sentido: 880 veículos/hora

Travessia: São Sebastião/Ilhabela
Movimentação prevista: Entre 390 mil e 400 mil veículos
Horário de funcionamento: 24 horas por dia
Capacidade operacional por sentido: 402 veículos/hora

Travessia: Guarujá/Bertioga
Movimentação prevista: Entre 105 mil e 110 mil veículos
Horário de funcionamento: 24 horas por dia
Capacidade operacional por sentido: 117 veículos/hora

Travessia: Iguape/Juréia
Movimentação prevista: Entre 50 mil e 55 mil veículos
Horário de funcionamento: 24 horas por dia
Capacidade operacional por sentido: 84 veículos/hora

Travessia: Cananéia/Ilha Comprida
Movimentação prevista: Entre 55 mil e 60 mil veículos
Horário de funcionamento: Das 6h à 0h
Capacidade operacional por sentido: 129 veículos/hora

Travessia: Cananéia/Continente
Movimentação prevista: Entre 20 mil e 25 mil veículos
Horário de funcionamento: Das 6h à 0h
Capacidade operacional por sentido: 40 veículos/hora

TOTAL

Movimentação prevista: Entre 2,4 e 2,7 milhões de veículos
Capacidade operacional por sentido: 1.652 veículos/hora

HORÁRIOS QUE DEVEM SER EVITADOS EM DIAS COMUNS – OPERAÇÃO VERÃO 2017-2018

Travessia Santos/Guarujá

Sentido: Guarujá

Horários críticos
Sextas-feiras: 17h às 20h
Sábados: 10h às 13h
Domingos: 10h às 13h

Sentido: Santos

Horários críticos
Sextas-feiras: 17h às 20h
Sábados: 17h às 20h
Domingos: 17h às 21h

Travessia Guarujá/Bertioga

Sentido: Guarujá

Horário crítico
Sextas-feiras: 16h às 19h

Travessia São Sebastião/Ilha Bela

Sentido: Ilhabela

Horários críticos
Sextas-feiras: 14h às 18h
Sábados: 9h às 13h
Domingos: 9h às 13h

Sentido: São Sebastião

Horário crítico
Domingos: 10h às 21h

Travessia Iguape/Juréia

Sentido: Juréia

Horário crítico
Sábados: 10h às 12h

Sentido: Iguape

Horário crítico
Domingos: 15h às 18h

Travessia Cananéia/Ilha Comprida

Sentido: Ilha Comprida

Horários críticos
Sábados: 10h às 14h
Domingos: 9h às 14h

Sentido: Cananéia

Horários críticos
Sextas-feiras: 16 às 19h
Sábados: 17h às 20h
Domingos: 17h às 20h

Os horários acima refletem uma tendência, podendo sofrer interferência de fatores climáticos e de maré, bem como de embarcações que necessitem de manutenções.

DICAS E RECOMENDAÇÕES AOS USUÁRIOS

Ao se dirigir à Travessia:

– Atenção aos locais corretos para as vias de acesso ao embarque;
– Não fure fila, respeite os demais usuários;
– Separe previamente o valor da tarifa de pedágio e agilize seu embarque;

Após o pedágio:

– Siga as orientações dos funcionários nos bolsões de embarque e aguarde a liberação para embarcar;
– Não desça do veículo nesse momento e aguarde o embarque;

Ao embarcar:

– Respeite as orientações da tripulação;
– Ao entrar na balsa, desligue o motor do veículo e solte os cintos de segurança;
– Preferencialmente, permaneça fora do veículo durante a travessia;
– Não fume a bordo das embarcações;
– Motociclista: permaneça sobre a moto para evitar que ela tombe;
– Descarte o lixo de forma correta nas lixeiras existentes;
– Não jogue lixo no mar;
– Ao descer do veículo, muita atenção com as crianças;
– Aguarde o final da manobra de atracação e liberação dos marinheiros para desembarcar;

COMO PROGRAMAR A VIAGEM?

É importante que os usuários verifiquem sempre as condições de tempo de espera, condições climáticas e a capacidade operacional de cada travessia antes de iniciar a viagem. A DERSA disponibiliza vários canais de informação.

Site: www.dersa.sp.gov.br
Twitter: @travessiasdersa
Telefone do Centro de Controle Operacional: 0800 77 33 711 ou (13) 3358-2277

Utilize a balsa sem filas. Agenda sua viagem através do Hora Marcada e garanta rapidez e pontualidade na realização de suas travessias litorâneas. Para adquirir o serviço, acesse: www.viadigital.sp.gov.br

Dúvidas, críticas, sugestões e reclamações:

Ouvidoria: 0800 72 66 300 – Opção 3 (segunda a sexta-feira, das 9h às 17h – exceto feriados)

E-mail: ouvidoria@dersa.sp.gov.br

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO