Prefeitura de Itapevi interdita trecho da Rua Irineu Chaluppe para avanço da canalização do Córrego Vale do Sol

A Prefeitura de Itapevi vai interditar, a partir das 10h de quarta-feira (28/02), um trecho da Rua Irineu Chaluppe, localizado entre as esquinas da Avenida Cesário de Abreu e da Rua Leopoldina de Camargo, no Centro. O bloqueio ocorrerá devido ao avanço das obras da última etapa da canalização do Córrego Vale do Sol – Fase 1, que tem o objetivo de acabar de vez com as enchentes nessa região e no Jardim Rainha.

Em razão da medida, os motoristas que vierem dos bairros, como o Jardim Rainha, em direção à área central por essa via precisam ficar atentos. Em vez de seguir até o final, a pessoa terá que virar à esquerda na própria Leopoldina de Camargo e, em seguida, à direita na Rua Vereador Paulino Lanzillo até chegar à Avenida Cesário de Abreu.

Nesse local, os veículos deverão decidir se vão à direita em direção à rotatória para ir a outros bairros da cidade, ou à esquerda rumo ao Centro de Itapevi. Futuramente, a interdição na Rua Irineu Chaluppe deverá prosseguir até a esquina da Rua Escolástica Chaluppe.

Além da interdição, a Prefeitura também vai liberar o bloqueio parcial da alça de acesso que liga o Viaduto José dos Santos Novaes até o Terminal Rodoviário, em direção à Avenida Feres Nacif Chaluppe.

Sobre as obras

A última etapa da canalização consiste na construção de uma nova galeria de captação de águas pluviais (das chuvas) com 330 metros de extensão, cujo trecho vai das proximidades do Terminal de Ônibus até a esquina das ruas Irineu Chaluppe e Luís Manfrinato. Haverá intervenções no trânsito para essas obras.

Os serviços serão feitos em quatro partes. Ao longo desse prazo, os funcionários farão a retirada do asfalto existente e avançarão com uma escavação de três metros de profundidade. Depois, haverá a colocação de aduelas de concreto, de 1,5 metros por 2,5 metros, que formarão a nova galeria.

Para interligar a captação das águas, as vias receberão ainda bocas de lobo. Ao final, as ruas que passaram pela escavação e implantação serão pavimentadas para as vias voltarem a sua condição original.

A primeira parte das obras está em fase de conclusão e abrange um trecho de 60 metros, a se iniciar próximo ao Terminal de Ônibus. Os serviços vão passar no começo da Avenida Cesário de Abreu até chegar à esquina com a Rua Irineu Chaluppe.

Próximas etapas

Além dessa segunda parte em um trecho de 110 metros, ao longo da Rua Irineu Chaluppe, próximo ao começo da Rua Leopoldina de Camargo, a terceira etapa será executada em outros 40 metros em direção a esquina com a Rua Escolástica Chaluppe. Os serviços da quarta e última fase dessa galeria abrangerão o maior trecho da galeria, com 120 metros até o cruzamento com a Rua Luís Manfrinato.

Início em 2022

Os trabalhos da Fase 1 foram iniciados em abril de 2022 na região central, na altura do Viaduto José dos Santos Novaes e seguiram nas vias Cesário de Abreu, Eleutério Marçal dos Santos, Leopoldina de Camargo, Manoel Alves Mendes, Luís Manfrinato e Escolástica Chaluppe. Na sequência, as obras avançaram pelo Jardim Rainha, passando pelas ruas Benedito Dias Siqueira, Dr. José Pedro de Castro, Ana Araújo de Castro e Avenida Nove de Julho.

Segunda fase em 2024

A Prefeitura começa, ainda neste ano, a segunda fase para contemplar a continuação dessa canalização até as imediações do antigo Clube Vale do Sol. Nessa região, será construído um grande piscinão para captação de águas. Com a obra completa concluída, haverá a solução total contra as enchentes.