Tumulto assusta passageiros na estação Barra Funda do Metrô

Um tumulto foi registrado no início da noite desta segunda-feira, 19 de junho, na estação Palmeiras-Barra Funda do Metrô.

Segundo relatos nas redes sociais, agentes de segurança enforcaram um homem e isso acabou gerando revolta por parte dos passageiros.

Gritos de que os agentes eram racistas foram proferidos, e as pessoas começaram a partir para cima dos agentes.

O reforço foi acionado, e até foi usado gás de pimenta para dispersar os manifestantes.

A ocorrência foi registrada por volta das 18h, próximo a linha de bloqueios (catracas).

Por meio das redes sociais o Metrô explicou que “um homem que vendia ilegalmente bilhetes foi abordado por agentes de segurança do Metrô. Durante a abordagem, o vendedor clandestino agrediu os agentes e precisou ser contido. A Polícia Militar foi acionada e o encaminhou para a Delegacia de Polícia onde está sendo registrado o boletim de ocorrência. Todas as ações da equipe de segurança são avaliadas e se algum excesso for identificado, os funcionários passam por reorientação ou até sanção disciplinar. O Metrô reforça ainda que a venda ilegal de bilhetes é crime e pede a colaboração dos passageiros em não incentivar essa prática.”

Sobre a revolta dos passageiros, o Metrô negou que isso tenha acontecido, no entanto, vídeos publicados em redes sociais mostram o contrário.