Renovias aponta cuidados com neblinas ao trafegar pelas rodovias

Com a chegada do período mais frio e seco do ano, é comum a formação de neblinas em diversos trechos das rodovias. Para alertar os motoristas sobre os cuidados necessários ao dirigir sob influência desse efeito climático, a Renovias vai distribuir, 40 mil folhetos com orientações que chamam a atenção para a prudência dos motoristas ao trafegar com a visibilidade comprometida.

Os folhetos estão sendo distribuídos, a partir de hoje (1/6), nas 9 praças de pedágio distribuídas pelos 345,6 quilômetros de rodovias concedidas pela Renovias. As equipes de inspeção também terão os materiais educativos em mãos para orientar os motoristas durante os atendimentos.

O coordenador de Atendimento da Renovias, Alberto Correia Junior, comenta que os cuidados devem ser maiores para quem dirige à noite e no início das manhãs. “Estes são os períodos mais frios em que a incidência de neblina pode ser maior. Nestas condições, o motorista deve trafegar com o farol baixo aceso para não ofuscar mais a visibilidade”, orienta.

Diante da pouca visibilidade provocada pela neblina, as principais orientações são reduzir gradualmente a velocidade e manter maior distância do veículo que segue à frente. Também é importante evitar o embaçamento dos vidros, acionando a ventilação, o ar-condicionado ou abrindo levemente as janelas. Para limpar os vidros, utilize o limpador de para-brisa e desembaçador e evite usar as mãos.

“Outra atitude equivocada dos motoristas é acionar o pisca-alerta com o veículo em movimento. Esta é uma ação que pode provocar acidentes, pois os carros que vêm atrás podem pensar que há um carro parado na pista e frear bruscamente”, alerta o coordenador.

Caso a visibilidade esteja totalmente prejudicada e o condutor não se sinta seguro para seguir viagem, a recomendação é nunca estacionar o veículo em locais de risco, procurando parar em um local seguro, distante da rodovia, preferencialmente em postos de serviço ou bases da concessionária.

Confira os principais pontos com potencial para incidência de neblina nas rodovias:

Rodovia SP-340

  • Km 134 ao 137 – em Jaguariúna
  • Km 145 ao 149 – entre Santo Antônio de Posse e Mogi Mirim
  • Km 166 ao 170 – entre Mogi Mirim e Mogi Guaçu
  • Km 202 ao 206 – em Aguaí

Rodovia SP-350

  • Km 248 ao 250 – em Itobi
  • Km 256 ao 257 – em São José do Rio Pardo

Rodovia SP-215

  • Km 33 ao 34 – em Vargem Grande do Sul
  • Km 37 ao 38 – em Vargem Grande do Sul
  • Km 44 ao 46 – em Casa Branca

Rodovia SP-342

  • Km 208 ao 212 – em Espírito Santo do Pinhal
  • Km 238 ao 239 – em Águas da Prata

Rodovia SP-344

  • Km 208 ao 210 – em Aguaí
  • Km 219 ao 222 – em São João da Boa Vista
  • Km 228 ao 230 – em São João da Boa Vista

A incidência de neblina nos pontos acima ocorre em poucos dias do ano e a densidade não resulta em maiores limitações ou obstruções de visão para os motoristas.

O Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) está disponível 24 horas por dia aos clientes da Renovias. Para acioná-lo, basta ligar para o número 0800 055 9696 ou usar um dos telefones de emergência, implantados a cada quilômetro. Condições antecipadas do tráfego e dicas de segurança podem ser obtidas pelo site.

Sobre a Renovias

A malha viária da Renovias liga Campinas, Circuito das Águas e sul de Minas: SP-340 (Campinas/Mococa), SP-342 (Mogi Guaçu/Águas da Prata), SP-344 (Aguaí/Vargem Grande do Sul), SP-350 (Casa Branca/São José do Rio Pardo) e SP-215 (Vargem Grande do Sul/Casa Branca), com extensão de 345,6 quilômetros. A concessionária administra as rodovias através do Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo. O Sistema de Ajuda ao Usuário (SAU) da Renovias está à disposição 24 horas por dia. Para acioná-lo, basta ligar 0800 055 9696 ou usar um dos fones de emergência implantados a cada quilômetro. Condições antecipadas do tráfego podem ser obtidas pelo site.