iFood: tecnologia e parcerias para combater criminosos que se passam por entregadores

O iFood tomou medidas para combater golpes de criminosos que se passam por falsos entregadores. A empresa reforçou o uso da tecnologia e estabeleceu parcerias com secretarias de Segurança Pública em São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará.

Essas parcerias visam combater situações em que criminosos se passam por entregadores do iFood.

A empresa esclarece que não exige que os entregadores usem a mochila com o logo da empresa e o fato de alguém usar a mochila não significa necessariamente que seja um entregador do iFood.

Em conjunto com as secretarias de Segurança Pública, o iFood disponibiliza sua tecnologia para verificar a identidade de pessoas abordadas em operações especiais, confirmando se estão cadastradas como trabalhadores na plataforma.

Essa verificação é realizada sem o compartilhamento de dados pessoais dos entregadores.

O iFood também utiliza tecnologia de reconhecimento facial e verificações de documentos no processo de cadastro de novos entregadores para garantir a segurança dos usuários e dos próprios entregadores.