Metrô de Belo Horizonte volta a funcionar após greve

O metrô de Belo Horizonte retornou a funcionar normalmente nesta segunda-feira, 20 de março, após a greve mais longa da história, que durou mais de um mês.

O Sindicato dos Metroviários suspendeu a greve após uma convocação para uma audiência pública na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, que discutirá o futuro do metrô e contará com a presença de representantes do governo federal.

Os metroviários estão protestando contra a possibilidade de demissão de mais de 1.600 funcionários da CBTU e pedem o adiamento da assinatura do contrato de concessão até que haja uma resposta sobre os cargos.

O governo federal tem até sexta-feira para responder à categoria, caso contrário, a greve pode ser retomada.