Comportamento do pedestre no trânsito é tema de palestra em Santos

Em comemoração à Semana do Pedestre, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Santos) promoveu, na tarde de quinta-feira (11/8), uma palestra no Sesc-Santos sobre o comportamento do pedestre no trânsito. Ministrada para um público composto por dezenas de pessoas, a dinâmica teve como palestrante Sônia Garcia, especialista em Educação para o Trânsito da companhia.

Durante a palestra, Sônia alertou sobre o pedestre ser o elo mais frágil do trânsito, necessitando ficar atento às sinalizações e aos veículos, já que muitos desrespeitam as regras, podendo causar acidentes. “Mesmo com o semáforo indicando a cor amarela, sempre tenha cuidado ao atravessar, porque alguns motoristas resolvem acelerar com essa sinalização e podem atropelar pedestres. Mesmo com sinal vermelho, sempre se certifique de que os veículos estão parados”, comentou.

Sônia discorreu sobre a Faixa Viva, uma ação permanente da CET-Santos que visa ressaltar a prioridade do pedestre nas travessias sem semáforo. A especialista explicou ao público presente que, para utilizar corretamente a faixa viva, deve-se sinalizar, com o braço estendido, mostrando a intenção de realizar a travessia, sempre em locais com faixa não semaforizada.

Com a sinalização, é imprescindível o pedestre avaliar as condições de segurança da via e atravessar somente após a parada dos veículos. Os condutores, ao avistarem o pedestre solicitando a prioridade, devem avaliar se a parada é segura para então parar o veículo.

“Sou idoso e sei que muitos demoram para atravessar, por questão de mobilidade limitada, e por isso também ocorrem acidentes. É muito importante sabermos se dá ou não tempo de atravessar a rua, e na dúvida, não atravessamos”, comentou João de Freitas.

Comemorado no dia 8 de agosto, o Dia do Pedestre é uma data que serve para chamar a atenção de motoristas, motociclistas e ciclistas, que devem ter cuidado com quem é a parte mais frágil no trânsito: o pedestre. Todos, em algum momento, acabam se colocando na posição de pedestre e, por isso, o ideal é que o comportamento dos demais ocupantes das vias seja de respeito e gentileza.