Audiência Pública apresenta e discute Plano de Mobilidade Urbana de Jundiaí

75
Foto: Fotógrafo/Prefeitura de Jundiaí

A equipe da Unidade de Gestão de Mobilidade e Transporte (UGMT) apresentou na manhã desta quarta-feira (13/04), em Audiência Pública virtual realizada pela Câmara Municipal, o Plano de Mobilidade Urbana de Jundiaí, recém-finalizado. A audiência foi transmitida ao vivo pela TV Câmara e nas redes sociais da Câmara Municipal. A condução foi feita pelo vereador Antônio Carlos Albino.

O gestor de Mobilidade e Transporte, Aloysio Queiroz, lembrou que o objetivo do Plano é apontar soluções para a mobilidade de Jundiaí nos próximos anos. “Precisamos levar em conta que existe uma agenda que pensa a cidade a longo prazo, para 2050, e investimentos em mobilidade urbana são fundamentais”, explicou. “Jundiaí possui uma frota de 337 mil veículos e uma população de aproximadamente 430 pessoas. Temos desafios geográficos, como quatro grandes rodovias que passam por nossa cidade e, para muitos motoristas, precisam ser transpostas diariamente. Assim, pensamos que o futuro passa não só por soluções para melhorar o fluxo de veículos e do transporte público, mas também pela adesão cada vez maior à bicicleta e à caminhabilidade.”

O plano passou pelas fases de diagnóstico, análise prévia, propostas e detalhamento. Durante sua construção, em 2021 e início de 2022, foram realizadas duas audiências públicas para apresentá-lo à população e colher ideias dos participantes. Outras unidades de gestão contribuíram para sua confecção, como a de Planejamento e Meio Ambiente, a de Educação, entre outras.

O diretor do Departamento de Engenharia de Mobilidade, Leandro Pinheiro, informou que o Plano de Mobilidade fez diferentes análises na cidade, como de novas possíveis rotas para melhorar o fluxo dos veículos e até da largura das calçadas. Também está em seu planejamento o aumento do número de ciclovias e espaços urbanos para a circulação de pedestres. “O Plano significa para nós um norte, um caminho que nos ajudará a tomar decisões importantes.”

Deixe seu comentário