iQMX: Mobilidade inteligente integra novo conceito do IQA na transformação digital

69
Trânsito e carros
Imagem de Michael Kauer por Pixabay

Mais do que se deslocar do ponto A para o ponto B, o conceito de mobilidade inteligente e sua aplicação prática no dia das pessoas e das cidades é a mais nova vertente dos pilares estabelecidos pelo Instituto da Qualidade Automotiva (IQA) na construção do reposicionamento do setor automotivo diante das mudanças cada vez mais velozes que impactaram à sociedade, aceleradas pela crise sanitária mundial da Covid-19.

O conceito amplia o debate até então focado na expressão “deslocamento” para tratar de questões sobre acessibilidade internacional e local, sobre sistemas de transporte modernos e sustentáveis e a disponibilidade de recursos providos pela tecnologia da informação e comunicação. Em uma visão mais abrangente de estudiosos da área, a mobilidade inteligente trata das soluções de mobilidade suportadas pela coleta de dados disponíveis.

É dentro deste contexto que surge o terceiro pilar do projeto iQMX, marca da transformação digital instituída pelo IQA, que acompanhar todas as ações do Instituto voltadas à inserção da qualidade dentro dos novos conceitos que impactam as sociedades modernas, voltadas ao compartilhamento de bens, maior sintonia ambiental e preocupações relacionadas ao bem-estar e a conectividade instantânea.

“Dentro desse contexto, ampliamos nossas atividades e serviços para atender as novas exigências do mercado”, afirma Claúdio Moyses, Diretor Presidente do IQA. “O horizonte é estabelecer em médio prazo um rol de possibilidades absolutamente novas e diversificadas, alinhadas com os novos desafios que o setor enfrenta, inclusive a lógica de mobilidade”, completa.

Organismo de certificação acreditado pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Inmetro, o IQA é uma organização sem fins lucrativos, especializado em mobilidade no aspecto da qualidade, criado por entidades do setor automotivo e governamental. Com o iQMX, o IQA amplia sua missão, tornando-a mais abrangente com a inclusão do termo Mobilidade, redesenhando o papel da qualidade para suportar os serviços relacionados à avaliação da conformidade que o setor automotivo demandará do Instituto, envolvendo a conformidade no processo de desenvolvimento de softwares e sistemas de gestão em cibersegurança.

Ao introduzir o debate em torno de um conceito amplo de mobilidade, o IQA busca ratificar a importância do tema para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos e da sustentabilidade das cidades inteligentes, focados na redução nos níveis de congestionamento resultantes da promoção do transporte público eficiente e de baixo custo, comercialização de serviços de transporte por intermédio de dispositivos móveis e redução nos impactos negativos do transporte na qualidade de vida das pessoas.

Com a iniciativa iQMX, o IQA reforça seu papel como um dos protagonistas no Brasil para propagação das mais novas tendências da qualidade no setor automotivo mundial, promovendo o debate técnico e especializado sobre os temas, assim como sua já consagrada tradição de mais de 26 anos voltados à formação e capacitação dos profissionais que atuam no setor automotivo nacional.

Pilares do iQMX

Sustentado em quatro pilares – Inovação, Qualidade, Mobilidade e Experiência – o iQMX é o IQA na transformação digital. A marca acompanhar toda e qualquer atividade do IQA relacionada à transformação digital, como uma referência às novas tecnologias. Desta forma, todos os novos modelos de certificação, treinamentos, eventos, publicações, diagnósticos e outras atividades relacionadas à transformação digital passam a contar com uma identificação padrão do Instituto.

Com o iQMX, o IQA adota um posicionamento mais protagonista nas questões da qualidade e co-participe das transformações do setor automotivo. “Continuaremos andando sempre lado a lado às exigências regulatórias, para oferecer serviços de apoio ao setor automotivo e relacionados, incentivando, inclusive, evoluções que se fizerem necessárias. Com o iQMX, vamos também atuar de acordo com as tendências do setor da mobilidade e da sociedade”, afirma Moyses.

O superintendente explica que entre os novos desafios da ampliação do papel do IQA como instituto estão atividades que buscam ter como propósito discutir qual papel da qualidade do futuro, para ajudar a sociedade, indústrias e demais players da cadeia produtiva a entenderem melhor como esta mudança vai funcionar.

“O IQA passa agora a contar com uma visão mais ampla, com objetivo de ajudar o setor automotivo brasileiro em todas as questões que ele precisa. O que vai ser futuro na qualidade e de que maneira podemos ajudar as empresas nessa transformação, sem deixar de lado o que já fazemos hoje”, diz Moyses.

IQA

O Instituto da Qualidade Automotiva é uma organização sem fins lucrativos de desenvolvimento e disseminação da Qualidade no Setor da Mobilidade, com objetivo de proporcionar mais segurança ao consumidor, a partir de produtos, sistemas e pessoas com qualidade assegurada através de certificações compulsórias ou voluntárias.

Criado em 1995 por entidades do setor e do governo, o IQA oferece soluções que fomentam a Qualidade além da certificação, como treinamentos presenciais e online, conteúdo técnico em publicações e estudos técnicos, inspeções e ensaios de laboratório, com uma cultura de inovação e proximidade às necessidades das organizações e sociedade.

É representante de órgãos internacionais e acreditado pela Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro como organismo de certificação. Acesse o site do IQA.

Deixe seu comentário