Feriado de 12 de outubro deve aquecer turismo rodoviário no Brasil

A busca online por passagens rodoviárias para o período cresceu 127%¨em relação ao ano passado e movimentação nas rodoviárias deve ser 42% superior

39
Lira Ônibus
Foto: Luciana Santos

De acordo com a ClickBus, maior plataforma online de transações para o transporte rodoviário de ônibus no Brasil, as buscas por passagens rodoviárias para o próximo feriado de 12 de outubro já estão 127% maiores do que as registradas em 2020. Para a Socicam, empresa responsável pela gestão dos principais terminais rodoviários do País, é previsto um aumento de 42% na movimentação de passageiros em relação ao feriado de 12 de outubro de 2020.

Para 12 de outubro, as cidades do litoral são os destaques entre os que pretendem aproveitar o feriado. São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Belo Horizonte, se mantêm no topo das buscas, mas Guarapari, Florianópolis, Paraty e Aracaju têm se tornado cada vez mais relevantes entre os viajantes.

“Mesmo dentro dos cenários mais otimistas que estávamos trabalhando, nos espantamos com o aumento de passagens compradas – sinal que a reabertura gradual está acontecendo e que as pessoas querem voltar a viajar mais, além da crescente adoção dos canais digitais”, conta Phillip Klien, CEO da ClickBus.

Confira as cidades mais buscadas para o feriado:

  1. São Paulo
  2. Rio de Janeiro
  3. Paraty
  4. Florianópolis
  5. Angra dos Reis
  6. Curitiba
  7. Belo Horizonte
  8. Guarapari
  9. Aracaju
  10. Londrina

De acordo com a Socicam, a região Sudeste que corresponde ao terminais rodoviários Tietê, Jabaquara, Barra Funda, Brasília, Campinas, Campo Grande, Jundiaí, Guarujá, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro (Rio Terminais) deve apresentar um aumento de 25% na circulação, enquanto o nordeste, 60%. Por lá a empresa é responsável pela operação dos terminais rodoviários de Aracaju, Natal, Fortaleza, Paraíba e Pernambuco.

Segundo a ClickBus, em setembro, no feriado da Independência, foi registrada a maior taxa de ocupação dos ônibus desde meados de maio, ao todo os ônibus partiram das rodoviárias com cerca de 75% de ocupação. Além disso, o período também contou com um crescimento na circulação dos ônibus que apresentaram níveis semelhantes ao das festas de final de ano (entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021).

Deixe seu comentário