CPTM abre venda de ingressos do Expresso Turístico para Paranapiacaba em 24 e 31 de outubro

Vendas continuam suspensas para outras datas; tickets devem ser adquiridos diretamente na Estação Luz

107
Expresso Turístico
Foto: Divulgação/CPTM

A CPTM irá vender a partir desta segunda-feira, dia 18 de outubro de 2021, ingressos para duas viagens do Expresso Turístico para Paranapiacaba para os próximos dois domingos, 24 e 31 de outubro.

Todos os passageiros com viagens pendentes (que compraram bilhetes antes da pandemia e não puderam viajar) foram contatados e houve vagas remanescentes para estas duas datas. As vendas, entretanto, são apenas para estas viagens. Para outros finais de semana as vendas continuam suspensas, com a prioridade para os passageiros que já haviam adquirido ingressos antes do início da quarentena, em março de 2020.

Os cerca de 90 ingressos disponíveis para 24 de outubro e 68 para 31 de outubro serão vendidos presencialmente na Estação Luz, que atende as linhas 7-Rubi e 11-Coral, de segunda a sábado, das 9h às 18h e no domingo, a partir das 7h, no guichê específico do serviço, caso ainda tenha assentos disponíveis.

Para saber os valores das tarifas, acesse o site da CPTM.

Para quem tem passagem para viagens que foram suspensas por conta da pandemia, a CPTM disponibiliza seus canais de relacionamento com o passageiro para esclarecer dúvidas:

É necessário que no ato do contato seja informado o nome da pessoa que adquiriu a(s) passagem(ns), a data original da viagem e o(s) número(s) do(s) bilhete(s). O prazo de resposta será de cinco dias úteis.

Ainda em 2021, a CPTM pretende realizar uma para Jundiaí com o objetivo de atender as cerca de 150 pessoas com viagens pendentes, por conta da pandemia. Já para Mogi das Cruzes, não havia passagens pendentes.

Sobre o Expresso Turístico

Desde 2009, a CPTM colocou em atividade o Expresso Turístico, passeios de trem que saem da Estação Luz, no Centro de São Paulo, com destino à Jundiaí, Paranapiacaba e Mogi das Cruzes. O passeio do Expresso Turístico é feito em uma locomotiva a diesel, modelo Alco RS-3 de 1952, que conduz dois carros de passageiros, de aço inoxidável, fabricados no Brasil pela Budd – Mafersa nos anos 60 e que foram cedidos pela ABPF (Associação Brasileira de Preservação Ferroviária).

Durante a viagem, o turista aprecia a paisagem e conhece um pouco da história.

O embarque é realizado às 8h30 da plataforma 4 da Estação Luz e o retorno das cidades visitadas, às 16h30. São 172 poltronas para acomodar confortavelmente os turistas, além de espaço reservado para cadeira de rodas (com cinto de segurança e ancoragem da cadeira).

Durante a pandemia da Covid-19, o Expresso Turístico teve suas atividades suspensas.

Deixe seu comentário