6 dicas de como o Google Maps pode ajudar ciclistas ao redor do país

99
Bicicletas

Foto de Heather Smith no Pexels

Uma vez que a bicicleta é um transporte de uso individual e ao ar livre, diversas cidades têm promovido iniciativas para incentivar o uso da bicicleta para deslocamentos. Na América Latina, os principais países no uso de bicicleta são Brasil, México e Argentina.

Milhares de pessoas usam bicicletas todos os dias para evitar transporte público, praticar atividade física ou simplesmente ter momentos gostosos ao ar livre. Mais de dez anos atrás, as bicicletas foram introduzidas no Google Maps e, desde então, esse recurso foi implementado em mais de 30 países. Somente em 2020, foram adicionados mais de 150.000 quilômetros de ciclovias ao mapa.

Quer você seja um novato no ciclismo ou não, confira 6 dicas de como o Google Maps pode te ajudar nessa rota.

  1. Encontre bicicletas: se você não tem uma bicicleta, o Google Maps pode fornecer detalhes como a disponibilidade em tempo real de uma bicicleta compartilhada, quanto tempo levará para caminhar até chegar até ela e seu tempo total de viagem. O recurso está disponível em mais de 100 cidades em mais de 25 países. Em parceria com a Tembici e apoio do Itaú Unibanco, a funcionalidade já foi lançada em São Paulo, Rio de Janeiro e em Recife, que conta com mais de 80 estações de bicicletas compartilhadas.
  2. Aumente (ou diminua) a elevação: seu trajeto ideal pode mudar dependendo se você está indo para um passeio descontraído ou uma subida de colina. Ao determinar sua rota, o Google Maps mostra a altitude para que você possa avaliar o quão plano ou íngreme será seu passeio.
  3. Compartilhe sua localização em tempo real: se você estiver pedalando com um grupo de ciclistas, compartilhe sua localização via Maps para que todos possam pedalar em seu próprio ritmo e não perder o contato. Isso também é útil ao se encontrar com um amigo para um passeio.
  4. Adicionar várias paradas: se você estiver parando para um piquenique, uma oportunidade para fotos ou para respirar, você pode adicionar paradas facilmente ao seu trajeto. Quando você estiver no modo de navegação, toque nos três pontos no canto superior direito do aplicativo, escolha “Opções de rota” e toque em “Adicionar parada”.
  5. Use o viva-voz com o Google Assistente: para mais segurança, use sua voz para ativar e controlar o Google Maps usando o Assistente.
  6. Nunca mais procure sua bicicleta: salvar vagas de estacionamento não é apenas para carros. Basta tocar no ponto azul que marca seu próprio local e selecionar “Salvar vaga de estacionamento”.

Deixe seu comentário