Centro de Equoterapia de Barueri ganha linha de ônibus

157
Equoterapia Barueri
Foto: Divulgação/Prefeitura de Barueri

No dia 17 de agosto de 2021, entrou em operação a linha municipal T253BI1 Barueri (Centro) – Centro Municipal de Equoterapia, que parte do Terminal Central e segue até a Avenida Eucaliptos, em Alphaville, onde fica a hípica municipal em que a Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Barueri (SDPD) oferece, a pessoas com deficiência, o tratamento gratuito com a utilização de cavalos para estimular o desenvolvimento da mente e do corpo.

Construído pela Prefeitura de Barueri, o Centro de Equoterapia foi inaugurado em outubro de 2018 e atualmente atende cerca de 300 pessoas com deficiência. Para melhorar as condições de locomoção deste público até o local, a Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Barueri contou com as parcerias da Secretaria de Governo, responsável pelo transporte público na cidade, e da Secretaria de Obras, que executou a duplicação da via de acesso ao local.

Itinerário

A nova linha funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h, com o letreiro T253BI1 Barueri (Centro) – Centro Municipal de Equoterapia.

O ônibus parte do Terminal Rodoferroviário Gualberto Tolaine (Centro) e sobe a venida Tancredo Neves para acessar a rodovia Castelo Branco com sentido à capital paulista. Na saída do quilômetro 23, o coletivo chega à Alphaville, sobe a Alameda Rio Negro até o final, vira à direita na Alameda Mamoré e segue até o segundo retorno da Alameda Amazonas para acessar a Avenida Paiol Velho e depois a Avenida Eucaliptos, onde fica a Equoterapia. No trajeto de volta, é percorrido o mesmo itinerário até chegar ao Terminal Central.

Além de transportar as famílias que frequentam o Centro Municipal de Equoterapia, a linha T253BI1, por oferecer uma viagem rápida, também beneficia outros passageiros com destinos próximos, já que a linha compõe normalmente o sistema de transporte municipal, com paradas para embarque e desembarque nos pontos oficiais, direito à integração unidirecional e utilização do cartão Benfácil.

Deixe seu comentário