99 lança pacote de apoio aos motoristas parceiros e prevê impactar PIB em mais de meio bilhão de reais

Iniciativa tem como objetivo apoiar a retomada econômica das cidades; Ações começaram a ser implementadas em julho e visam ampliar ganhos dos parceiros e melhorar a experiência na plataforma; Repasse integral em dias e horários específicos e revisão de políticas de cancelamento fazem parte do plano

254
Motorista de carro

Foto de Adrien Olichon no Pexels

Diante do cenário desafiador enfrentado pelo setor de transportes por aplicativo com os constantes aumentos no combustível, a 99 lança um pacote de ações que pretende colaborar com os ganhos dos motoristas parceiros da empresa e ainda impactar a economia do país. As iniciativas serão implementadas ao longo do segundo semestre, com algumas delas já começando este mês.

Com o pacote, a empresa estima injetar mais de R$ 570 milhões ao PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro até dezembro, além do valor já gerado pela atividade intermediada pela companhia. Em 2020, este montante foi de R$ 15 bilhões, segundo um estudo da Fipe que considera o impacto econômico da renda obtida pelos motoristas parceiros, gasta em seus custos operacionais (como alimentação e combustível) e no consumo de suas famílias (bens e serviços em geral).

Esses valores mostram como a atividade da 99 é importante para a economia brasileira e nosso compromisso é continuar apoiando a geração de renda pelos parceiros da plataforma. Com esse pacote, nosso objetivo é retomar o equilíbrio da operação, levando em consideração a nova realidade do serviço, como o crescimento do volume de chamadas por meio da plataforma, impulsionado pela adoção em massa da modalidade pelas pessoas da Classe C”, declara Lívia Pozzi, Diretora de Operações e Produtos da 99.

As iniciativas somam-se aos benefícios concedidos pela empresa por meio do programa de parceria SOMOS99 que, entre outras vantagens, garante 10% de desconto no combustível dos 3,2 mil postos da rede Shell, e já foi responsável por R$ 3,1 milhões de economia aos motoristas parceiros.

Confira as iniciativas que já estão em vigência:

Taxa Zero

O que é? A taxa de intermediação cobrada pela 99 será zerada em dias ou horários específicos ao longo dos meses em todas as categorias, exceto táxi. Dessa maneira, o valor integral da corrida será repassado ao motorista parceiro. Nas cidades onde há a cobrança de preço público, a 99 faz a dedução desse valor e o repassa ao município.

Os motoristas serão comunicados com antecedência sobre os dias de Taxa Zero. Apenas na cidade de São Paulo, a iniciativa, em teste desde julho, já gerou R$ 3 milhões de retorno aos motoristas parceiros.

Escolha Inteligente

O que é? Em cidades e períodos selecionados, a plataforma apresentará as opções de incentivo disponíveis de corrida para que o motorista parceiro escolha aquela que melhor atenda à sua rotina. Os incentivos oferecem ganhos financeiros para quem cumprir os requisitos das campanhas.

Corrida Turbinada

O que é? Com essa opção, o motorista adquire um pacote de bônus que é aplicado à dinâmica de preço das suas corridas durante um determinado período de tempo. Importante destacar que este valor extra não impacta no preço final ao passageiro, ou seja, é subsidiado integralmente pela 99.

Reembolso Rápido

O que é? Atendendo a uma das maiores insatisfações entre os motoristas, a 99 fará a revisão do sistema de solicitação de reembolso no aplicativo, com adaptações para agilizar o processo de pagamento ao motorista quando o passageiro não paga a corrida.

Revisão de Políticas da Plataforma

O que é? Revisão da política de cancelamentos que bloqueia o motorista parceiro por infrações às regras da plataforma. Entretanto, atitudes que vão contra as políticas de uso da plataforma – como casos de ofensa e preconceito – ou infrações à lei vigente continuarão sujeitas às consequências previstas em nossos Termos de Uso.

Volume de corridas aumentou

Desde o início da pandemia, a 99 vem observando um aumento do volume de pedidos na plataforma pela população da classe C. “Sem o privilégio do trabalho remoto, as pessoas com menor renda passaram a utilizar mais transportes por aplicativo. Uma pesquisa Datafolha constatou que, entre as pessoas da classe C, 40% afirma ter aumentado a frequência de utilização do aplicativo em 2020 e 31% começou a utilizar a modalidade por causa da pandemia”, explica Livia Pozzi.

Para a diretora, a classe C representa a maior fatia de usuários da plataforma também devido aos preços acessíveis praticados pela empresa. “O aumento da gasolina impacta todos os setores, mas o de transporte sente os efeitos primeiro. Nosso compromisso com a sociedade é de continuar garantindo a geração de renda aos nossos motoristas parceiros, mas também seguir promovendo o acesso à mobilidade por parte das pessoas que precisam do serviço”.

Somada a este aumento, a retomada das atividades econômicas no início de 2021 fez as classes A e B voltarem a utilizar o serviço, intensificando o volume de chamadas solicitadas por meio da plataforma. Para incentivar a disponibilidade de motoristas, a 99 está promovendo pelo segundo ano consecutivo a campanha Direção Premiada, que sorteará oito carros de R$ 80 mil, uma casa no valor de R$ 200 mil, além de prêmios semanais.

Deixe seu comentário