Obras interditam parcialmente rodovia Régis Bittencourt em Juquitiba e São Lourenço da Serra

2281
Régis Bittencourt em Juquitiba
Trecho da rodovia Régis Bittencourt, em Juquitiba, próximo à Miracatu (Foto: Reprodução/Google Street View)

Obras interditavam parcialmente a rodovia Régis Bittencourt, no sentido Curitiba, em Juquitiba e São Lourenço da Serra, neste sábado, dia 5 de dezembro de 2020.

As obras foram iniciadas no final da noite desta sexta-feira, dia 4 de dezembro.

As obras estavam sendo realizadas no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra e no quilômetro 318,5, em Juquitiba.

Acompanhe as informações de tráfego da rodovia divulgadas pela concessionária Arteris.

Sábado, dia 5

22h25 – Siga acompanhando as condições de tráfego da BR-116, consultando o post Rodovia Régis Bittencourt agora.

21h02 – O tráfego estava fluindo normalmente nos dois sentidos da BR-116.

19h41 – O fluxo seguia intenso nos seguintes pontos:

  • Do quilômetro 281 ao quilômetro 279, em Embu das Artes, em ambos os sentidos;
  • Do quilômetro 272 ao quilômetro 268, em Taboão da Serra, em ambos os sentidos.

18h35 – O fluxo seguia intenso nos seguintes pontos:

  • Do quilômetro 284 ao quilômetro 279, em Embu das Artes, em ambos os sentidos;
  • Do quilômetro 272 ao quilômetro 268, em Taboão da Serra, em ambos os sentidos.

15h20 – O fluxo estava intenso em pontos alternados:

Sentido Curitiba:

  • Do quilômetro 268 ao quilômetro 270, em Taboão da Serra;
  • Do quilômetro 278 ao quilômetro 280, em Embu das Artes.

Sentido São Paulo:

  • Do quilômetro 270 ao quilômetro 268, em Taboão da Serra.

13h38 – A faixa da direita e o acostamento estavam liberados no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba. Havia lentidão do quilômetro 279 ao quilômetro 282, em Embu das Artes, devido reflexo de interdição anterior.

13h17 – No sentido Curitiba, o tráfego estava lento do quilômetro 279 ao quilômetro 284, em Embu das Artes, devido reflexo de interdição anterior.

12h27 – O tráfego estava com lentidão no sentido Curitiba, entre Embu das Artes e Itapecerica da Serra, devido reflexo de interdição anterior.

11h32 – A faixa da direita e o acostamento estavam liberados no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba. Havia retenção do quilômetro 278 ao quilômetro 289, entre Embu das Artes e Itapecerica da Serra, devido reflexo de interdição.

11h07 – A faixa da direita e o acostamento estavam liberados no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba. Havia retenção do quilômetro 284 ao quilômetro 292, em Itapecerica da Serra, devido reflexo de interdição.

10h49 – A faixa da direita e o acostamento foram liberados no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba. Havia retenção do quilômetro 292 ao quilômetro 301, devido reflexo de interdição.

10h48 – O tráfego foi normalizado no quilômetro 318,5, em Juquitiba, no sentido Curitiba.

10h28 – A faixa da direita e o acostamento foram liberados no quilômetro 318,5, em Juquitiba, no sentido Curitiba. Havia retenção do quilômetro 316,5 ao quilômetro 318,5.

10h28 – A faixa da direita e o acostamento foram liberados no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba. Havia retenção do quilômetro 293,5 ao quilômetro 305,5.

10h13 – Obras no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba, interditavam a faixa da direita e o acostamento. O tráfego seguia pela faixa da esquerda e havia retenção do quilômetro 295,6 ao quilômetro 305,6.

10h11 – A faixa da direita e o acostamento foram liberados no quilômetro 318,5, em Juquitiba, no sentido Curitiba. Havia retenção do quilômetro 311,5 ao quilômetro 318,5.

9h56 – Obras no quilômetro 318,5, em Juquitiba, no sentido Curitiba, interditavam a faixa da direita e p acostamento. O tráfego seguia pela faixa da esquerda e havia retenção desde o quilômetro 310,5.

9h55 – Obras no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba, interditavam a faixa da direita e o acostamento. O tráfego seguia pela faixa da esquerda e havia retenção desde o quilômetro 296,6.

9h16 – Obras no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba, interditavam a faixa da direita e o acostamento. O tráfego seguia pela faixa da esquerda e havia retenção desde o quilômetro 299,6.

8h33 – Obras no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, no sentido Curitiba, interditava a faixa da direita e o acostamento. O tráfego seguia pela faixa da esquerda e havia retenção desde o quilômetro 301,6.

8h33 – Obras no quilômetro 318,5, em Juquitiba, no sentido Curitiba, interditavam a faixa da direita e o acostamento. O tráfego seguia pela faixa da esquerda e havia retenção desde o quilômetro 309,5.

2h12 – O fluxo foi normalizado no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, sentido Curitiba.

1h51 – Pontos de lentidão no sentido Curitiba, devido obras:

  • Quilômetro 318,5, em Juquitiba, com interdição da faixa da direita e do acostamento. Havia retenção desde o quilômetro 311,5.
  • Quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, com interdição da faixa da direita e do acostamento. Havia retenção desde o quilômetro 304,6.

0h27 – O trânsito seguia lento pela faixa da esquerda no quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, sentido Curitiba, devido obras no trecho. A pista estava com retenção desde o quilômetro 299,6.

Sexta-feira, dia 4

23h16 – O trânsito estava lento devido às obras nos trechos:

Sentido Curitiba:

  • Quilômetro 318,5, em Juquitiba, com interdição da faixa da direita e do acostamento. Havia retenção desde o quilômetro 316,5.
  • Quilômetro 305,6, em São Lourenço da Serra, com interdição da faixa da direita e do acostamento. Havia retenção desde o quilômetro 303,6.

22h51 – Obras interditavam a faixa direita e o acostamento no quilômetro 318,5, em Juquitiba, sentido Curitiba. O trânsito seguia lento pela faixa da esquerda. Havia retenção desde o quilômetro 316,5.

Trânsito na rodovia Régis Bittencourt

Você tem alguma informação do trânsito da Régis Bittencourt para nos passar? Envie sua mensagem, fotos ou vídeos para o nosso Whatsapp (11) 96292-9448.

Deixe seu comentário