Metroviários realizam assembleia para decidir sobre greve

Os metroviários vão realizar uma assembleia na sede do Sindicato dos Metroviários, no início da noite desta terça-feira, dia 3 de março de 2020, para decidir sobre uma possível greve para esta quarta-feira, dia 4 de março.

De acordo com o sindicato, o Metrô não pagou a Participação dos Lucros e Resultados no dia 28 de fevereiro, com base numa liminar do Tribunal Superior do Trabalho, contrariando a decisão judicial que encerrou a Campanha Salarial de 2019.

Ainda segundo o sindicato, o Metrô realiza uma série de ataques contra a categoria como interrupção das negociações da Periculosidade dos trabalhadores da Pintura, das Oficinas de Pintura e Escada Rolante, retirando o pagamento da Periculosidade dos trabalhadores dessas áreas.

Comunicado Metroviários
Comunicado do Sindicato dos Metroviários sobre a realização da assembleia nesta terça-feira, dia 3 de março

No dia 20 de fevereiro, a categoria já havia aprovado a manutenção do estado de greve e indicativo de paralisação para o dia 4 de março.

Caso a greve seja decretada, as linhas 1-Azul, 2-Verde, 3-Vermelha e 15-Prata (esta última paralisada por conta de ocorrências) do Metrô devem ser afetadas.

Leia também

Deixe um comentário