Passagens de ônibus da SPTrans e trens do Metrô e da CPTM devem subir em janeiro

5639
Recarga do Bilhete Único Passagens
Foto: César Ogata/Secretaria de Comunicação

Nesta terça-feira, dia 18 de dezembro, o telejornal Bom Dia São Paulo da TV Globo divulgou que a tarifa do transporte público de São Paulo deve aumentar para R$ 4,25, atualmente a tarifa custa R$ 4,00. O aumento será válido para as passagens de ônibus municipais da SPTrans, além de trens do Metrô e da CPTM.

O reajuste da tarifa deve entrar em vigor no dia 6 de janeiro de 2019. O novo valor da integração entre os ônibus municipais da SPTrans e os trens do Metrô e da CPTM não foi informado, geralmente a integração entre os modais sofre aumento de forma conjunta.

O índice de inflação calculado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) neste ano foi de 3,63%. Se o aumento refletisse o índice de inflação, o valor da passagem seria de R$ 4,14.

No entanto, os governos municipal e estadual alegam que esse valor dificultaria o troco. Além disso, eles argumentam que o valor unitário do bilhete de R$ 4,25 não repõe as perdas.

Porém ao longo desta terça-feira, tanto a Secretaria dos Transportes Metropolitanos e a SPTrans se manifestaram dizendo que não confirmam o reajuste da tarifa, nem a data.

O que diz o Metrô e a CPTM?

A Secretaria dos Transportes Metropolitanos, que gerencia o Metrô e a CPTM, informou para o site Via Trolebus que “estuda algumas possibilidades sobre a questão de reajuste de tarifa. No entanto, historicamente, a definição sobre o assunto ocorre em janeiro de cada ano”.

O que diz a SPTrans?

Já a SPTrans, que gerencia os ônibus municipais, também informou ao site Via Trolebus que não há informações sobre o reajuste da tarifa e que essa diretriz parte da Prefeitura de São Paulo.

Reclamações

O número de reclamações no site do Reclame Aqui sobre os serviços prestados pela CPTM aumentou em 111,66%, ou seja, o número de reclamações duplicaram entre janeiro e novembro de 2018 em comparação com o mesmo período do ano passado. Já as reclamações contra o Metrô de São Paulo triplicaram em 236,53%.

No site do Reclame Aqui, o Metrô responde a todas as reclamações registradas pelos passageiros, já a CPTM nunca respondeu nenhuma das reclamações desde o final de 2015.

Os principais problemas frequentes relatados pelos passageiros da CPTM em 2018 são:

  • Qualidade do serviço prestado
  • Atrasos
  • Baixa qualidade
  • Demora na realização do trecho
  • Instalação ou reparo não concluídos

Já para os passageiros do Metrô, os principais problemas em 2018 são:

  • Qualidade do serviço prestado
  • Instalação ou reparo não concluídos
  • Mau atendimento
  • Comportamento do profissional
  • Baixa qualidade

Evolução das tarifas

No site da SPTrans é divulgada uma tabela com a evolução do valor das tarifas do transporte público desde 1947, desde o Cruzeiro, passando pelo Cruzado, até a moeda atual.

Considerações finais

No final de 2017, o reajuste das tarifas foi divulgado na última semana de dezembro, passando a vigorar de R$ 3,80 para R$ 4,00 em 7 de janeiro deste ano. Agora só nos resta aguardar quando de fato o reajuste para 2019 será anunciado de fato e se realmente será o valor de R$ 4,25.

Mobilidade Sampa

Quer ficar informado sobre tudo o que acontece na mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @mobilidadesampa no Twitter.

Use a hashtag #mobilidadesampa no Instagram.

Fique tranquilo. Não enviamos spam, a sua privacidade será respeitada e você poderá sair facilmente quando desejar.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here