​​Trem do Cambuci: Expresso Turístico tem edição especial neste mês de maio​

Turistas tem a opção de conhecer o 7º Festival do Cambuci de Mogi das Cruzes

0
67
Festival Gastronômico
Festival Gastronômico do Cambuci (Foto: Jornal O Vermelhinho)

No fim de semana das mães, a proposta da CPTM é um passeio para toda a família. Neste sábado (13), o Expresso Turístico Mogi terá uma edição especial: o Trem do Cambuci, que promove o 7º Festival Gastronômico do Cambuci de Mogi das Cruzes.

Durante a viagem de 1h30, da Estação da Luz até a Estação Estudantes, os passageiros poderão degustar iguarias à base da fruta.

Após o desembarque, os turistas têm como opção de passeio visitar uma fazenda produtora de Cambuci, o Festival Gastronômico e o Museu Ferroviário de Sabaúna. Outra opção é o roteiro de passeios na cidade.

O município de Mogi das Cruzes é um dos mais importantes produtores de Cambuci do Cinturão Verde, onde cresce a cada ano o potencial para cultivo, comercialização e uso do fruto, sempre relacionado à recuperação e conservação da Mata Atlântica.

O Festival do Cambuci é promovido pelo Instituto Auá, organização não governamental pioneira da educação e conservação ambiental como desenvolvimento local do Cinturão Verde de São Paulo.

Expresso Turístico
Foto: Jundiaíqui

Expresso Turístico

O Expresso Turístico resgata o glamour das viagens férreas. A viagem é feita em uma locomotiva a diesel, modelo Alco RS-3 de 1952, que conduz dois carros de passageiros, de aço inoxidável, fabricados no Brasil pela Budd – Mafersa nos anos 60. Cedidos pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária, os vagões foram restaurados nas oficinas da CPTM.

Criado em 2009 pela CPTM e pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos, o Expresso Turístico oferece viagem para três roteiros: Luz-Jundiaí (três sábados por mês), Luz-Mogi das Cruzes (no segundo sábado de cada mês) e Luz-Paranapiacaba (aos domingos).

São 174 poltronas para acomodar confortavelmente os turistas, além de espaço reservado para cadeira de rodas (com cinto de segurança e ancoragem da cadeira). O preço unitário da passagem para qualquer um dos três roteiros é de R$ 45,00 (ida e volta), exceto para o embarque na Estação Prefeito Celso Daniel-Santo André, com destino a Paranapiacaba, que sai por R$ 40,00.

O bilhete é vendido das 9h às 18h, todos os dias, nas bilheterias das estações da Luz e Prefeito Celso Daniel-Santo André. Os descontos podem chegar até 50% na compra de quatro passagens. Vale lembrar que o bilhete da CPTM contempla somente a viagem de ida e volta de trem até um dos três destinos. Roteiros complementares, que são de responsabilidade dos operadores de turismo regionais, devem ser adquiridos diretamente nas agências de turismo.

Bilheterias

Estações da Luz e Prefeito Celso Daniel-Santo André
De segunda a domingo, das 9h às 18h

Mogianos terão a oportunidade de conhecer neste final de semana diferentes produtos à base de cambuci no 3º Festival da fruta, que acontecerá no Mogi Shopping

7º Festival Gastronômico de Cambuci 

Com atrações culturais e diversos produtos derivados da fruto, a sexta edição do Festival Gastronômico do Cambuci de Mogi das Cruzes deverá movimentar o Distrito de Sabaúna neste final de semana (14 e 15 de maio). O evento, com apoio da Prefeitura de Mogi das Cruzes, faz parte da Rota Gastronômica do Cambuci, projeto criado pelo Instituto Auá e que envolve 11 municípios produtores, com uma programação que permite o contato direto do consumidor com a realidade do produtor. No sábado (14/05), a programação será das 11 às 22 horas e no domingo (15/05), das 9h30 às 17 horas.

Mogi das Cruzes figura entre os maiores produtores de cambuci do Estado de São Paulo, com grande potencial para o cultivo, comercialização e uso do fruto. Pela primeira vez, o festival terá uma série de atividades culturais integradas ao evento, como a exposição permanente do Gira Mundo Bonecos Gigantes de Sabaúna, confeccionados com materiais recicláveis e com forte tradição no carnaval do distrito, apresentações de grupos folclóricos locais, além de rodas de conversa na antiga estação ferroviária sobre as espécies da Mata Atlântica.

“Além de levar ao público participante o conhecimento sobre o fruto e os produtos derivados do mesmo, valoriza e inventiva o produtor de Cambuci. A cidade tem grande diversidade de recursos e atrativos turísticos, como belas cachoeiras, serras, picos e grande produção de hortaliças, orquídeas e outros, que fazem do turismo uma grande fonte para a geração de emprego e renda”, disse Auclésio Ranieri, coordenador da Coordenadoria Municipal de Turismo e secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico e Social do município.

O Festival tem feito muitas pessoas conhecerem o valor do Cambuci e estimularem outros a provarem. Isso permite aos produtores aumentarem o cultivo e também a fabricação de derivados que garantem a renda de muitas famílias e a fixação do produtor no campo. Neste ano, o calendário da Rota conta com eventos nas cidades de Santo André (Paranapiacaba), Rio Grande da Serra, São Paulo (Parelheiros, Santo Amaro e Mercadão), Salesópolis, Paraibuna, São Lourenço da Serra, Ribeirão Pires, Natividade da Serra, Caraguatatuba e Bertioga. Mais informações pelo telefone (11) 4790-5142.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO