Abertas as inscrições do programa de residência da Prefeitura de São Paulo para startups de mobilidade

Os residentes desenvolverão projetos dentro do MobiLab, da Secretaria de Transportes, e terão acesso a orientação personalizada, dados e apoio técnico

61

O MobiLab e a SP Negócios, no âmbito da política Tech Sampa, abriram as inscrições para o programa Residência MobiLab 2.0, que selecionará até dez Startups que desenvolvam soluções tecnológicas para mobilidade urbana na cidade de São Paulo.

As inscrições encerram-se no dia 09 de outubro e o processo de seleção contará com duas etapas: na primeira, uma Comissão Julgadora selecionará até 16 Startups finalistas para apresentarem seus projetos; na segunda etapa, a partir destas apresentações, a Comissão selecionará até dez Startups residentes.

As iniciativas desenvolverão seus projetos dentro do espaço de coworking do MobiLab por seis meses, onde terão acesso a um programa de mentoria personalizado, dados de mobilidade, apoio técnico e, para as Startups que cumprirem as metas, certificado de participação no programa. Não será concedida bolsa ou qualquer outro desembolso financeiro aos residentes.

Atualmente, o MobiLab abriga oito startups residentes da 1ª edição do programa, que começou em julho deste ano, reunindo soluções ligadas a ciclomobilidade (MubMaps e Woole), transporte público (Scipopulis e OnBoard), logística (Logbee e Kolektiva), transporte individual (Parknet) e mobilidade a pé (Beeline). Ao longo do programa, também contaram com apoio do SEBRAE-SP no acompanhamento do negócio.

A maior vantagem para as empresas nascentes é estar dentro de um ambiente onde todos ao seu redor estão trabalhando com inovação em mobilidade. De um café pode sair uma grande ideia. Adicionalmente, o acesso aos técnicos, gerentes, superintendentes e até diretores (quando é o caso) da SPTrans e da CET permite que as soluções já saiam desenhadas alinhadas com o que a gestão pública possa responder. As startups mostram para as empresas de transporte do município o que necessitam em termos de abertura de dados, modelo de negócios, etc. Uma vez definida, por exemplo, uma nova abertura de dados que fomenta o mercado de inovação, ela se torna disponível para toda a sociedade. São serviços de utilidade pública oferecidos muitas vezes gratuitamente para o consumidor final que melhoram a experiência de se movimentar dentro da cidade sem custo para o setor público.

Inscrições pelo site http://mobilab.prefeitura.sp.gov.br/residencia

Acompanhe todas as novidades na página do Facebook: www.facebook.com/MobiLabSP

Sobre o MobiLab e a Tech Sampa

O MobiLab – Laboratório de Mobilidade Urbana, da Secretaria Municipal de Transportes, desenvolve soluções para melhoria da gestão da mobilidade urbana e fomenta projetos que contribuam com inovação, transparência e participação da sociedade civil.

A Tech Sampa, política municipal de estímulo à inovação, busca fomentar o desenvolvimento do ecossistema de startups na cidade de São Paulo, onde se destacam ações como Vai Tec, Prêmio Mulheres Tech Sampa, LEIA, SP Stars – Programa de Mentoria, São Paulo Tech Week, Centro Digital – Distrito de Inovação e Programa de Internacionalização de Startups.

Deixe seu comentário