Observatório propõe “10 medidas para salvar vidas no trânsito”

Iniciativa tem apoio da Frente Parlamentar em Defesa do Trânsito Seguro

117
Concorrente do Uber
Foto: Fábio Vieira/Código19/Folhapress

Comprometido com a causa da segurança viária, com a conscientização de motoristas e pedestres que levem à redução de acidentes, de mortes e de feridos graves no trânsito brasileiro, o Observatório Nacional de Segurança Viária, com apoio da Frente Parlamentar em Defesa do Trânsito Seguro, elencou em proposta ’10 Medidas para Salvar Vidas no Trânsito’. São medidas capazes de contribuir para a construção de um novo cenário nas vias e nas rodovias do país.

As propostas que vão desde a criação de delegacias especiais para tratar somente de crimes de trânsito e varas especiais de julgamento, até a revisão do processo de habilitação de condutores no Brasil e a implantação de Educação para o Trânsito nas escolas públicas e privadas, do 1º ao 9º ano do ensino fundamental.

Os acidentes de trânsito foram responsáveis, em 2014 (últimos dados oficiais disponíveis), pela morte de aproximadamente 44 mil pessoas, número expressivo, considerando que indica a perda de vida de aproximadamente 120 pessoas a cada dia, gerando um custo emocional, social e financeiro expressivo.

Somente em 2014, o custo financeiro resultante de acidentes de trânsito superou os R$ 56 bilhões. Além de tirar vidas, os acidentes são responsáveis também por um grande número de pessoas que passam a adquirir sequelas permanentes.

Na Semana Nacional de Trânsito, o Observatório divulga suas “10 Medidas para Salvar Vidas no Trânsito”.

Confira quais são elas abaixo:

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here