Suspensão do Cartão Bom em vans gera insatisfação

93
Empresa responsável disse que pretende recorrer da decisão da Justiça. Foto: Divulgação

Após uma decisão da Justiça, os leitores de cartão dos micro-ônibus e vans foram bloqueados

Os passageiros de vans e micro-ônibus intermunicipais não conseguem utilizar o cartão BOM há quase duas semanas em São Paulo. A causa é a suspensão do serviço determinada pela Justiça, que bloqueou os leitores de cartões e se baseou em uma ação de 2007.

De acordo com três cooperativas que prestam serviço para a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU) na região metropolitana, cerca de 158 linhas tiveram seus leitores bloqueados e estão sem transportar passageiros.

No terminal de ônibus Armênia, os passageiros e donos dos coletivos reclamam das catracas travadas e do prejuízo causado. Sem ter como passar o cartão, eles precisam pagar o valor total da passagem em dinheiro. As vantagens para os passageiros é que com o cartão é possível fazer a integração com o Metrô e a CPTM, o que permite economia.

Um aviso foi colocado no para-brisa dos veículos e o recado é dado também pelos fiscais do terminal. Segundo o motorista Rozeval Silva, que faz a linha Carapicuíba/Pinheiros, está tudo parado há uma semana. Ele afirmou que 90% dos seus passageiros usam o cartão.

A EMTU informou em nota que deve recorrer da decisão da Justiça e que está reforçando a frota de ônibus para não prejudicar os passageiros. Os usuários que não conseguirem utilizar os créditos devem ligar para a central de atendimento no telefone 0800 77 11 800.

Manifestação

Os donos e motoristas de micro-ônibus e vans estão protestaram em frente à Assembleia Legislativa de São Paulo, no Ibirapuera, Zona Sul. Eles reclamam da decisão da Justiça e querem falar com o presidente da Assembleia. Em seguida, os manifestantes pretendem ir até o Palácio dos Bandeirantes, no Morumbi.

Fonte: Diário de SP

Deixe seu comentário