Volta do feriado e chuva fazem SP bater recorde de lentidão no trânsito

148
Paulistanos enfrentam a chuva nesta manhã desta quarta na Avenida Maria Coelho Aguiar, na Zona Sul (Foto: Dario Oliveira/Código19/Estadão Conteúdo)

Capital paulista registrou 171 km de filas às 9h30.
Recorde anterior era de 168 km, em 24 de março.

O trânsito de São Paulo bateu o recorde de lentidão deste ano com 171 km de filas registrados às 9h30 desta quarta-feira (22). A chuva e a volta do feriado prolongado de Tiradentes contribuíram para que o motorista enfrentasse longas filas, de acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). O recorde anterior era de 168 km, em 24 de março.

Após o pico de congestionamento, o trânsito começou a cair, mas só voltou para a média prevista para o horário por volta de 11h30. Às 13h, a cidade tinha 48 km de vias congestionadas, indicando uma ligeira alta no índice de vias com lentidão. A companhia estima que dois milhões de veículos deixaram a cidade de São Paulo para o feriado prolongado de Tiradentes.

Chuva

Das 9h30 às 10h05, o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura colocou em estado de atenção para enchentes as zonas Oeste, Sul, Norte e central de São Paulo por causa de pancadas de chuva.

As precipitações também causaram lentidão nas linhas do Metrô na manhã desta quarta-feira. As linhas 2-Verde, 3- Vermelha e 5-Lilás reduziram a velocidade em vários momentos. Às 13h, a Linha 3 estava com a circulação prejudicada, entre Corinthians-Itaquera e Palmeiras-Barra Funda, e a Linha 2 também registrava lentidão entre Chácara Klabin e Alto do Ipiranga.

Recordes anteriores

Em 24 de março, o excesso de veículos e acidentes fizeram com que o congestionamento chegasse a 168 km às 9h. O maior índice histórico para o horário de pico da manhã, que vai de 7h às 10h, foi registrado às 10h do dia 23 de maio de 2012. Esse recorde foi atingido em um dia de greve do Metrô.

Fonte: G1 São Paulo

Deixe seu comentário

comentários