Dois milhões de carros devem deixar SP no feriado; veja melhores horários

86

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) estima que dois milhões de veículos vão deixar a cidade de São Paulo para o feriado prolongado de Tiradentes, na terça-feira (21). A partir da tarde de sexta-feira (17), o fluxo de saída de São Paulo se intensifica.

Os motoristas com destino às rodovias devem evitar o sistema viário principal entre as 14h e as 22h, segundo a CET. As concessionárias das principais rodovias que levam ao litoral e ao interior do estado de São Paulo realizam operações especiais de atendimento aos motoristas.

Confira a seguir os dias e horários que devem ser evitados pelos motoristas:

Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto

Entre 880 mil e 980 mil veículos devem passar pelas vias durante o feriado, segundo a concessionária Ecopistas.

Na saída dos motoristas, o fluxo de veículos deve ser mais intenso das 16h às 18h de sexta e entre 11h e 13h de sábado (18). No retorno a São Paulo, o maior fluxo de veículos está previsto para o período entre 16h e 18h de terça.

A concessionária pode implantar faixas reversíveis em direção ao interior, entre o km 128 e o 130 da rodovia Carvalho Pinto. Na faixa exclusiva, a velocidade máxima permitida será de 80 km/h. Em caso de emergência, os usuários devem solicitar o auxílio da Ecopistas através do telefone 0800 777 0070.

Sistema Castello Branco-Raposo Tavares

São esperados 560 mil veículos no sentido interior, de acordo com a concessionária CCR ViaOeste. Os horários de pico para sair da cidade são, na sexta-feira, entre 13h e 22h e, no sábado, entre 6h e 14h. No retorno, a concessionária estima que o maior volume esteja concentrado entre 13h e 22h da terça.

Em caso de emergência, os usuários devem solicitar o auxílio da CCR Via Oeste através do telefone 0800 701 5555.

Sistema Anhanguera-Bandeirantes

Cerca de 790 mil veículos devem circular nas vias do sistema Anhanguera-Bandeirantes entre os dias 17 e 21 de abril.

Na sexta-feira, o horário de maior movimento para a saída da capital deve durar das 15h às 19h e, no sábado, das 9h às 14h. Na volta à capital, o fluxo é mais intenso das 15h às 20h.

Caminhões estão proibidos de circular no sentido São Paulo da Bandeirantes, entre as 14h e 22h do domingo e da terça, entre o km 48 e o km 23. Nesse trecho, devem utilizar a Anhanguera. Em caso de emergência, os usuários devem solicitar o auxílio da CCR Autoban através do telefone 0800 055 5550.

Rodovias Padre Manoel da Nóbrega, Manoel Hyppolito Rego (Rio-Santos), Mogi-Bertioga, Floriano Rodrigues, Tamoios e Raposo Tavares

A Secretaria Estadual de Logísticas e Transportes (SLT) estima que mais de 1 milhão de veículos trafeguem pelas rodovias administradas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) durante o feriado de Tiradentes.

A previsão é que mais de 427 mil veículos utilizem as vias em direção ao litoral e mais de 619 mil carros se dirija ao interior e à região serrana.

O movimento mais intenso na saída do feriado é esperado entre as 12h da sexta-feira e as 2h de sábado. Ainda no sábado, a partir das 7h, o movimento volta a crescer e permanece intenso até as 18h. No retorno, a previsão de maior movimento é entre 12h da terça-feira e 2h de quarta-feira.

O acostamento na rodovia Manoel Hyppolito do Rego pode ser liberado entre o km 214 e o km 211 para desafogar o tráfego com destino ao litoral. A liberação também pode ser feita no período de volta à capital, no mesmo trecho.

Na descida ao litoral pela Rodovia dos Tamoios, em caso de congestionamento, será implantada uma faixa extra no trecho de serra, altura do km 68. Na Mogi-Bertioga, a faixa suplementar pode ser liberada entre o km 92,5 e o km 98.

No retorno do feriado, será autorizado o uso do acostamento do km 279,3 ao km 284 na rodovia Padre Manoel da Nóbrega. Em caso de emergência, os usuários devem solicitar o auxílio do DER através do telefone 0800 055 5510.

Sistema Anchieta-Imigrantes

A concessionária Ecovias estima que 250 mil a 350 mil veículos passarão pelas vias do Sistema em direção ao litoral.

O fluxo de veículos em direção à Baixada Santista deve aumentar na sexta a partir das 16h. Nesse período será implantada no trecho de serra a Operação Descida, quando os motoristas terão como opção para a descida os dois sentidos da Anchieta e a pista sul da Imigrantes. Apenas a pista norte da Imigrantes fica disponível para a subida.

A operação funciona entre as 15h da sexta-feira e a 1h do sábado, e volta a ser implantada entre as 8h e 19h do mesmo dia.

Na terça-feira, o tráfego de retorno deve ficar mais intenso a partir das 11h. Neste horário, começa a Operação Subida, com previsão de término às 20h. As duas pistas da Imigrantes e a pista norte da Anchieta funcionarão no sentido São Paulo.

Em caso de emergência, os usuários devem solicitar o auxílio da Ecovias através do telefone 0800 19 78 78.

Dutra

A concessionária CCR Nova Dutra prevê que cerca de 290 mil veículos devem deixar São Paulo pela via Dutra entre 0h de sexta-feira e 0h de sábado.

No trecho paulista da rodovia, o tráfego deve ficar intenso entre 16h e 20h de sexta e entre 7h e 13h de sábado. No retorno, o tráfego deve ser maior na terça-feira, das 16h às 20h.

Nos trechos em obras da rodovia, há alterações na via. No sentido São Paulo da Dutra, no km 161,5, o tráfego flui na pista da esquerda e no acostamento. No sentido Rio de Janeiro, na mesma altura, a pista da direita fica interditada entre 12h de sábado e 12h de domingo. No km 170,8, no retorno a São Paulo, está liberada apenas a pista da direita.

Fernão Dias

A saída de São Paulo deve ter tráfego intenso na sexta-feira, das 16h às 23h, e no sábado, das 6h às 18h. O retorno a São Paulo deve ter maior movimentação na terça-feira, a partir das 14h e na quarta, das 6h às 12h.

Em caso de emergência, os usuários devem solicitar o auxílio da Autopista Fernão Dias através do telefone 0800 283 0381.

Régis Bittencourt

A Concessionária Autopista Régis Bittencourt espera um aumento de 5% do tráfego durante o feriado, em relação aos dias normais.

A saída de São Paulo para o interior e para Curitiba deve ter maior fluxo de veículos na sexta-feira, das 17h às 22h, e no sábado, das 5h às 13h. O retorno a São Paulo deve ficar mais intenso na terça-feira, das 12h às 22h.

Por conta de obras na região da Represa Capivari, no Paraná, há desvio de tráfego entre os km 41,8 e 44,1. O tráfego deve ficar mais lento na região e a Concessionária pode implantar uma operação Pare e Siga.

Em caso de emergência, os usuários devem solicitar o auxílio da Autopista Régis Bittencourt através do telefone 0800 7090 116.

Deixe seu comentário