Motoqueiros são homenageados por dirigir de forma segura nas ruas de São Paulo

Atividade faz parte das ações realizadas no Maio Amarelo para promover um trânsito mais seguro

0
27
Foto: Marcelo Fortin (Gerência de Marketing da CET)

A Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes homenageou nesta sexta-feira (19/05) quatro motoqueiros pela boa conduta ao pilotar pelas ruas de São Paulo. Os quatro foram escolhidos por meio do projeto Você Merece, que segue motoqueiros pelas ruas da capital até encontrar um que dirija com cautela, respeite as leis de trânsito e utilize todos os itens de segurança.

Os quatro selecionados ganharam um capacete e um diploma por dirigir de forma segura. O idealizador do projeto Você Merece, Celso Miranda, explica que, em parceria com a Abraciclo (Associação Brasileira de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares) toda semana um motoqueiro é premiado na cidade. Nesta semana, no entanto, foi feita uma edição especial premiando quatro profissionais por conta das comemorações do Maio Amarelo, movimento que acontece em várias partes do mundo para incentivar a convivência entre os modais e conscientizar a todos sobre a importância de reduzir os índices de mortos e feridos no trânsito.

O secretário de Mobilidade e Transportes, Sérgio Avelleda, e o presidente da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), João Octaviano Machado Neto, fizeram questão de estar presentes na homenagem e ouvir as histórias dos motoboys. “O poder público tem a tarefa de sinalizar, fiscalizar e orientar o trânsito, mas é de extrema importância o comportamento dos condutores. Se ele se expõe ao risco, pode matar ou morrer no trânsito, por isso, é de extrema importância reconhecer pessoas que fazem a diferença no trânsito”, comentou o secretário durante cerimônia realizada na sede da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes.

Foto: Marcelo Fortin (Gerência de Marketing da CET)

Todos os motoboys receberam kits do Maio Amarelo, com camiseta, squeeze, entre outros acessórios. O motoboy Admilson Bispo dos Santos, 44 anos, trabalha há 20 anos como motofrete e diz que sempre dirige com cautela. Ele conta que em 1998 sofreu um grave acidente ao colidir com um carro e passou três meses internado. “A nossa atenção tem que ser redobrada pois na rua estamos correndo riscos diários”, diz Admilson Bispo dos Santos, orgulhoso do prêmio recebido.

Já o motoboy, Diego Barbosa, 31, conta que trabalha 14 horas por dia entregando documentos e pizza à noite. “Qualquer erro que cometemos no trânsito, pagamos com a nossa vida, então, ando sempre dentro da lei. Um grande problema que encontramos na rua todos os dias é a falta de respeito por parte dos motoristas”, lamenta.

Nas duas próximas semanas, as atividades do Maio Amarelo serão voltadas para veículos de passeio e também veículos coletivos e de carga. Confira a seguir alguns dos eventos programados:

Veículos de passeio – 21 a 27 de maio

Uma das ações feitas durante essa semana será sobre o uso consciente das vagas especiais, que são voltadas para pessoas com deficiências, idosos e gestantes. Também estão programadas várias apresentações de teatro e distribuição de materiais educativos para os condutores.

Veículos coletivos e de carga – 28 a 31 de maio

Um ônibus antigo e um novo vão ficar expostos em frente ao Pátio do Colégio, e receberão o público, que conhecerá a evolução dos coletivos no decorrer dos anos.

Além da programação definida pela Prefeitura, entidades de classe e a sociedade civil também podem participar do Maio Amarelo e sugerir programações próprias por meio do site criado para o evento (http://maioamarelo.prefeitura.sp.gov.br).

O Maio Amarelo conta com a parceria da Fundação Bloomberg e do aplicativo 99 que vai doar 300 racks de bike para os táxis pretos, justamente para incentivar a integração entre os modais (bicicleta e táxi). Por meio do aplicativo também será possível, durante o mês de maio, participar de game dos modais que vão dar vouchers para os ganhadores. As empresas Shimano e Caloi também são parceiras do Maio Amarelo.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO