São Caetano do Sul na vanguarda com o Fórum Brasileiro de Mobilidade Urbana

0
142
Foto: Eric Romero/Prefeitura de São Caetano do Sul

Cidade com o maior Índice de Desenvolvimento Humano do Brasil, São Caetano do Sul mais uma vez se coloca na vanguarda dos avanços do País. Esta condição foi ratificada no Fórum Brasileiro de Mobilidade Urbana, realizado segunda-feira (25/4), no Centro de Capacitação dos Profissionais da Educação Doutora Zilda Arns, no Bairro Barcelona. O evento, organizado pelo Global Council of Sales Marketing com apoio da Prefeitura, reuniu algumas das principais autoridades brasileiras no assunto.

Com o tema central Mobilidade: uma necessidade para uma vida melhor para todos, com segurança e acessibilidade, o Fórum concentrou palestras e mesas de debates que abrangeram a integração de modais, legislação, planejamento, projetos, financiamento de obras e outras vertentes para o desenvolvimento do setor no País. Houve também uma explanação sobre o Plano de Mobilidade Urbana de São Caetano, classificado como exemplar pelos participantes – o documento está em fase de consulta pública no site www.saocaetanodosul.sp.gov.br. Após, será enviado à Câmara em forma de projeto de lei.

O prefeito Paulo Pinheiro foi homenageado com um diploma pela atuação em prol da Mobilidade Urbana e, consequentemente, da qualidade de vida dos moradores. “É um honra receber um Fórum desta representatividade. Passamos por um processo de verticalização desenfreada, irresponsável e inconsequente, que reflete muito no trânsito. Buscamos alternativas para amenizar este impacto. E um evento como este nos ajuda nesta missão.”

Secretário nacional de Transporte e Mobilidade Urbana, Dario Rais Lopes definiu a resolução do setor em cinco eixos: conceitual, tecnologia, planejamento, projetos e financiamento. “E, além disso, precisamos resgatar o que é fundamental: a criação. Não precisamos ir à China, à Tailândia ou aos Estados Unidos. Temos exemplos aqui, como os trinários e os BRTs (corredores de ônibus) de Curitiba. Aos resgatarmos a criação, teremos soluções consistentes”, projetou.

O representante do governo federal ainda elogiou São Caetano pela formulação do Plano Municipal de Mobilidade, uma exigência para que cidades com mais de 20 mil habitantes consigam financiar obras e projetos no setor com verba da União.

Representando o governador Geraldo Alckmin, o secretário estadual de Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, pontuou projetos de expansão do Metrô, como a Linha 18-Bronze, que passará por São Caetano. Já o presidente da Frente Parlamentar Mista de Mobilidade Urbana, deputado federal Herculano Passos, ponderou que a crise econômica do País é uma barreira momentânea a investimentos federais na área.

A educação no trânsito foi o tema da explanação do secretário estadual de Educação, José Renato Nalini, que citou a imprudência e o despreparo dos condutores como as maiores causas de acidentes. Ele também apresentou dados para evidenciar que, quanto mais rápido o veículo, maior o índice de letalidade. “Precisamos investir mais na conscientização e formação. A redução de velocidade vai contra fazer do carro um partícipe da Fórmula 1. A lição já sabemos de cor. Só nos resta aprendê-la.”

O presidente da agência Desenvolve SP, Milton Luiz de Melo Santos, comparou o trânsito caótico do Vietnã com o do Brasil. “Temos um sistema minimamente organizado, mas com muito espaço para ser aperfeiçoado.”

A Global Council of Sales Marketing elaborará relatório com os destaques do Fórum. As práticas da cidade sede no setor e o apoio da Prefeitura ao evento foram elogiados pelo presidente da instituição, Agostinho Turbian. “São Caetano é modelo. Precisamos de mais São Caetano no Brasil.”

Canal Mova-se

Fonte: Prefeitura de São Caetano do Sul

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO